Arquitetura contemporânea: conheça a tendência que vem tomando o mercado imobiliário - Brain

Este site utiliza cookies para a análise de uso. Ao continuar navegando, você concorda com nossa Política de Privacidade.

Canal Brain

O maior portal de conteúdos sobre inteligência de mercado.

Arquitetura contemporânea: conheça a tendência que vem tomando o mercado imobiliário

04/11/2021, 08:59

Por Andressa Pereira FBS Mídia

Saiba mais sobre a arquitetura contemporânea e como esse conceito se popularizou com a chegada da pandemia.

Televisão na parede amarela com plantas

De fato, as moradias são mais do que simples abrigos. Afinal, elas representam também um local de troca e partilha com a família e a cidade. Além disso, o lar de uma pessoa, os tipos de decoração, cores selecionadas e outros elementos refletem muito sobre sua forma de enxergar o mundo e se expressar.
Por esse motivo, a Arquitetura Contemporânea é um conceito que reivindica que os empreendimentos, residenciais e comerciais, reflitam sobre a identidade de seus proprietários, para, dessa forma, possibilitar a implementação de um novo formato de construção, a partir de locais mais aconchegantes e intimistas.
Atualmente, nas grandes cidades brasileiras, já é possível observar empreendimentos que seguem essa tendência e apresentam plantas flexíveis, ambientes redesenhados para promover maior conforto climático, locais mais iluminados, com janelas amplas e ventilação de ar cruzada e, principalmente, propriedades que se harmonizam com a paisagem local.
Siga com a gente e confira a seguir alguns fatores essenciais que compõem a tendência da Arquitetura Contemporânea:

Um novo olhar sobre a arquitetura
Sem dúvidas, a pandemia e consequentemente isolamento social, fizeram com que grande parte das pessoas revisse seus conceitos sobre seus imóveis. Afinal, com a necessidade de passar mais tempo em casa, surgiram também alguns desconfortos e insatisfações em relação aos espaços.
Nesse contexto, a Arquitetura Contemporânea chegou, não só para evidenciar o bem-estar dos moradores, mas também para compor locais funcionais e integrados ao mundo externo.
Por exemplo, até pouco tempo atrás, as casas eram enormes dormitórios, afinal, as pessoas passavam o dia inteiro fora e retornavam apenas para dormir.
Hoje em dia, isso é diferente, tanto é que o número de reformas e buscas por casas para alugar Curitiba aumentou durante a pandemia. Esses são fortes indícios de que as pessoas perceberam o impacto que o ambiente é capaz de causar em seus psicológicos. E, a partir dessa percepção, passaram a buscar por elementos que adicionam mais bem-estar ao cotidiano como a incidência de luz natural nos ambientes internos e a conectividade com a natureza.
Todos esses comportamentos nos fazem concluir que, daqui em diante, a arquitetura sensorial será muito mais valorizada.

A fusão da interatividade com a arquitetura
Atualmente, “interatividade” é a palavra da vez. E, obviamente, o mercado de arquitetura e o imobiliário não ficaram de fora disso. Hoje em dia, com o avanço da tecnologia, nada mais pode ser considerado imutável. Por isso, um dos maiores desafios é fazer com que uma obra passe a interagir com o morador ou visitante, para promover uma troca de informações.
Um grande exemplo disso são os projetos de casas inteligentes e o sistema de termostato de um edifício que permite ajustar a temperatura ambiente de acordo com a condição climática ou, até mesmo, um software que permite que luzes se apaguem sozinhas, no momento em que o morador adormece. Essas e diversas outras ferramentas são desenvolvidas para oferecer mais suporte às relações humanas.

A sustentabilidade como base
Por fim, vale mencionar que a sustentabilidade é um dos destaques da arquitetura contemporânea. Por isso, todos os empreendimentos que são construídos dentro deste conceito não utilizam materiais tóxicos e priorizam produtos recicláveis.
Toda essa preocupação vai do teto ao piso, e, inclusive, já pode ser exemplificada em vários apartamentos e coberturas à venda ao redor do País, que conciliam o consumo consciente com o minimalismo e a tecnologia, a partir de softwares que otimizam o design dos locais, tornando-os mais atrativos e funcionais.

*O conteúdo expresso neste texto não necessariamente reflete a opinião da Brain.

Veja também:

A tendência de amanhã é seu diferencial competitivo de hoje. Saia na frente: saiba como identificá-la.

Encontrar tendências e antecipar-se às demandas é um grande diferencial competitivo. Sabemos que o mercado imobiliário sempre foi um ambiente…

Vendas de imóveis crescem em meio a pandemia, aponta pesquisa

Mesmo com as incertezas geradas pela pandemia de covid-19, o mercado imobiliário ficou mais aquecido. Segundo pesquisa realizada pela consultoria…

Securitização no mercado imobiliário – CONVERSA DE MERCADO com Vicente Postiga

Sócio-fundador da Habitasec, Vicente Postiga fala sobre securitização de direitos creditórios da indústria imobiliária, CRI (Certificado de Recebíveis Imobiliário) e…